Total de visualizações de página

terça-feira, 13 de dezembro de 2011

PERNIL TEMPERADO COM ERVAS



Essa receita é muito gostosa, é mais uma que aprendi a fazer com
o programa da Ana Maria Braga....Faz muitos anos que ela deu
essa receita, não está completa, falta alguns dos temperos,
são muitos mais...
Fiz do meu jeitinho....rss!!!
Mas garanto que ficou foi muito bom!!!

INGREDIENTES:

2 quilos de pernil
1 colher de café (bem cheia) de curry
1 colher de café de noz moscada ralada
1 colher de sopa (bem cheia) de orégano
4 folhas de louro
2 galhos de hortelã
30 folhinhas de manjericão
1 galho de alecrim
1 colher de sopa de açafrão
2 limões médios
5 dentes de alho grandes
pimenta verde e do reino
1 1/2 colhere de sopa de sal

MODO DE FAZER:

Amasso a pimenta do reino, o alho e as pimentas verdes, misturo com o sal,
acrescento o orégano, o curry, a noz moscada e o açafrão, espremo os
limões, picoto o louro e as folhinhas de manjericão, tiro do talo as folhinhas
do alecrim, e faço o mesmo com o hortelã, misturo bem e reservo.
O pernil perfuro com a faca de maneira que o furo não ultrapasse do outro
lado. Faço vários buracos por todo o pernil. Com uma colherzinha de
café vou colocando os temperos por todos os furos, tem que temperar bem.
Esse pernil quanto mais dias ficar na geladeira temperado, pega mais sabor
e portanto ficará mais saboroso.
Tempero no mínimo 3 dias antes de assar.
Asso em fogo brando...
Quando estiver bem dourado estará pronto.

Não se esqueça de me chamar... pra comer... KKKKKK!!!



GANHEI NA MEGA SENA!!!!



Era uma vez...
Ganhei na mega sena!!!! Confere pra mim??? Não estou acreditando que é verdade.
Estava visivelmente alterado, atrapalhado, eufórico e tremendo....
Eu conferi...
-Uai, os números são os mesmos....O senhor ganhou!
Chegou outra pessoa. Novamente pediu que conferisse a cartela, e de fato
tinha ganho....
Sentado, com as mãos trêmulas, a ponto de dar um "troço"!!!
-Vou lá na lotérica de novo, quero confirmar.
 Jogava os mesmo números toda semana religiosamente, e isso já vinha
acontecendo há muitos, mas muitos anos...
Ele sempre falava:
-Um dia eu ganho!
E não é de vê que ganhou???
Chegando na loteria (pela 2ª vez), entregou a cartela para a moça e pediu a ela 
que conferisse....
-O senhor ganhou!!!
Votou para a casa, as pernas bambas e o coração aos saltos...
Deu um click...
-A semana passada, viajei e não pude fazer o jogo, será que a moça da
lotérica conferiu isso direito?? Vou voltar lá....
"Sorte de pobre dura pouco"... É um ditado certo!
A moça da loteria conferiu o jogo, só que foram os números que tinham dado na semana passada, 
e não os da semana retrasada....
Justamente a semana que ele não jogou, foram os números que deram....
Tem lógica um negócio desses???
Milionário....quase!!!
Pois sei que foi assim...

 



terça-feira, 1 de novembro de 2011

GABIROBA CABELUDA







Era uma vez...
As férias de dezembro eu gostava muito mais, com certeza.
Não tinha frio como as do mês de julho, as frutas para saborear eram as melhores....
Quando minha tia falava:
-Amanhã vamos chupar gabiroba!!!!
Nossa!!! A meninada vibrava, bom demais ir para as fazendas dos vizinhos,
embrenhar no meio da mata e catar gabirobas...
Saíamos depois do almoço, a caminhonete entulhada de gente, principalmente de
crianças, eu era uma delas. Meu tio o motorista, já sabia qual lugar parar, 
descíamos do carro, uma correria, passávamos por baixo do arame farpado
que cercava a fazenda, íamos a procura dessa frutinha deliciosa, hoje me
lembra "o sabor da minha infância". Não era muito difícil de achar, pois naquele
tempo no nosso cerado Goiano,  gabiroba existia em abundância...
Ela dá em árvores pequenas é fácil apanhar. A gente se espalhava....
Cada um ia para um lugar, chupava até a barriguinha encher....rsss!!
Sempre pegávamos  um pouco para levar para casa. 
Havia uma em especial, mais docinha, maior que as outras, difícil de achar,
cheia de "pelinhos"...
Nós a chamávamos de "gabiroba cabeluda"...rss!!! Coisas de criança!
E lá estava eu me deliciando com as frutinhas, quando olhei mais a frente,
que alegria!!! Um pé da "gabiroba cabeluda"!!!
Corri para chegar antes que alguém chegasse primeiro..
Elas estavam suculentas, doces como mel, enormes....
Foi quando meu pé tropeçou em alguma coisa, olhei e vi uma espécie de
parede, mas era baixinha.... A frente, uma cruz de madeira caída, tijolos,  
outras cruzes..............Aiiiii!!!
_ MANHÊEEEEEEEEEE!!!! 
-AQUI TEM UM CEMITÉRIO!!!!!!!!
Que susto!!! ECA!!!
Essas gabirobas que chupei estão plantadas aqui????
GABIROBA DE CEMITÉRIO??? Que nojo!!!!
Naquele tempo era comum os mortos serem enterrados nas fazendas...
O fato é que, "aquelas gabirobas estavam boas por demais"!!
 Ahhhhh!!! Que delícia!!!
KKKKKKKKKKKK!!!
Pois sei que foi assim...





 
  

CARNE SECA COM ARROZ E PEQUI







Como eu amo pequi...Pensar que eu não gostava,
não suportava nem o cheiro??? Como é que pode???
Isso vira um vício...KKKKKKKKK!!! "Bão dimaisss"!!!
Fiz com carne seca, ficou MARAVILHOSO!!!!
Meu marido mandou fazer uma caixa para secar a carne, 
essas que compra não é tão gostosa como a que
preparo em casa....Tempero com sal, pimenta do reino,
pimenta vermelha,e alho. Coloco na caixa e deixo no sol
por uns 3 dias, virando a carne para secar por igual...
Depois de seca, pico com faca e separo em saquinhos
e congelo....
Dá trabalho??? É...mais todo prato que se faz com ela 
fica muito mais saboroso....E nem dá tanto trabalho assim...
Vamos fazer??? Fiz assim...

INGREDIENTES:


Meio quilo de carne seca
3 copos americanos de arroz
5 dentes de alho
pimenta vermelha e pimenta de cheiro
1 cebola (média), batidinha
20 pequis
óleo
Cheiro verde


MODO DE FAZER:


Fritei a carne seca em umas 7 colheres de sopa de óleo,
fica bem fritinha mesmo...Depois de frita vou adicionando meio
copo de água, deixo secar e coloco novamente por umas 4 vezes...
Enquanto faço esse processo em outra panela ponho os pequis com
uns dois copos americanos de água e deixo dar uma boa fervura
(reservo).Na panela da carne seca acrescento o alho amassado com
a pimenta e  a cebola batidinha, deixo dar mais uma fritadinha....Coloco
o arroz e deixo fritar bem....se estiver meio seco, acrescento mais óleo,
vou misturando para não queimar. Adiciono os pequis com a água...
Se for pouca coloque mais, tem que cobrir bem os ingredientes...
Prove o sal. Depois de pronto, acrescento o cheiro verde por cima...


Uiiiiii!!! Me deu uma vontade de comer de novo.....
Ai Goiás o seu pequi é "bão dimais da conta sô"!!!!
KKKKKKKKKKK!!!



quarta-feira, 19 de outubro de 2011

A PRIMEIRA MENSTRUAÇÃO



Era uma vez...
Conheci uma senhora aqui no meu bairro, ela tem muitas
juventudes acumuladas (80 anos), mora sozinha, faz salgadinhos
e tortas,  uma delícia!!! É muito lúcida e esperta,
gosta de conversar e contar causos e eu gosto de ouvir...
Na casa dela tem um pé de jabuticaba, e outro dia fomos lá
eu e uma amiga chupar, como é gostoso comer a fruta direto
do pé, é mais saborosa e fica muito divertido colher o fruto.
Conversa vai, conversa vem.... começou a contar como 
tinha sido a primeira menstruação dela...Então depois de
ouvir, falei:
- Essa tenho que colocar no meu blog!!! Posso???
Concordou...
Então lá vai mais uma historinha...rsss!!!
Tinha completado 10 anos, estava no campo colhendo
algodão, quando olhou viu sangue escorrendo nas
pernas, saiu correndo e foi tomar banho no córrego.
Quanto mais lavava mais sangue saia...sua irmã mais velha
vendo a cena falou:
- Você virou mulher !!!
Como? Ela disse. Que negócio é esse de virar mulher???
Era uma criança  não sabia dessas coisas. Antigamente
as crianças eram inocentes, pai e mãe não conversavam esses
assuntos com os filhos, tudo era censurado, esse tipo de conversa
não se falava
Diferente de hoje, tem criança que sabe muito mais que os adultos...
Ensinaram que ela tinha que colocar na calcinha "paninhos" para
não deixar o sangue escorrer, só que as calcinhas não tinham 
elásticos nas pernas.
Passado algum tempo, ela estava "de olho" em um menino...o
namoro era assim, só se olhava....(que diferença dos de hoje).
A vizinha da fazenda onde ela morava tinha morrido e lá foi ela 
no velório e o menino também estava lá, detalhe, ela estava
menstruada. Queria passar perto do menino para dar aquela
olhadinha, e foi o que fez....Ao passar por ele jogou todo charme
no olhar em direção ao menino, e saiu...
Foi quando a irmã dela a cutucou  e falou:
- O paninho da sua menstruação caiu bem no pé do seu namorado...!!
Noooosssssaaaaa!!! Que vergonha!!!!
Onde coloco a minha cara??? Saiu correndo no meio da noite
em direção da casa dela, chorando e querendo morrer....
KKKKKKKKKKKKKKK!!!! Que tragédia!!!! KKKKKKK!!!
Acabou o "namoro", nunca mais teve coragem de olhar para o  garoto.
Pensa que situação???? KKKKKKKKKKK!!!
Ainda bem que hoje existem os absorventes....e não caem...
Pois sei que foi assim...



FRANGO ASSADO COM MANJERICÃO

Uai ontem fiz umas coxas e sobrecoxas de frango
que ficaram "bão" de comer...rsss!!! Então resolvi
dar a receita "proceis"....
Não sei bem o peso, sei a quantidade, foram 5
sobrecoxas e 5 coxas....
Então vamos fazer?


INGREDIENTES:


10 pedaços de frago (coxas e sobrecoxas) + ou - um
quilo e meio...
30 folhinhas de manjericão
1 colher rasa de café de curry
1 colher de sopa de orégano
2 saquinhos de tempero em pó de galinha
5 dentes grandes de alho
pimenta do reino
pimenta vermelha


MODO DE FAZER:


Limpei bem os pedaços de frango e furei eles com a faca 
(entra melhor o tempero)....
Bati a pimenta do reino, o alho e as pimentas vermelhas no
amassador, coloquei o curry, orégano e os saquinhos de tempero
em pó, misturei bem.
As folhinhas de manjericão picotei em pedaços não muito miúdo
com as mãos e joguei por cima do frango, no amassador de alho
onde estavam os outros temperos acrescentei meio copo americano
de água, misturei bem e coloquei também no frango. Mexi bem para o 
tempero penetrar nos furos do frango. Deixei nessa mistura por umas
duas horas. Coloquei na forma e levei para assar em fogo médio,
levou umas 2 horas e meia.... 


Manjericão é uma plantinha linda, plante no seu quintal ou jardim,
 ou até mesmo em um vaso...rsss!!
Ela é tão cheirosa, serve para fazer muitos pratos é saborosa...
Olha a minha que lindinha...




sexta-feira, 14 de outubro de 2011

MAIONESE AMASSADA

Faz muito tempo que como dessa maionese, desde menina se faz ela na minha
família, é comer e lembrar da infância, dos domingos quando a gente almoçava
na casa da tia....eta tempinho bom!!! Ai saudade danada...
Mas deixando a saudade de lado, se vc gostar de atum tenho certeza que vai
gostar desse prato! Então deixemos de conversar fiado e vamos aprender a
receita que é fácil de fazer e gostosa de comer...rsss!!!


INGREDIENTES:


2 quilos de batata
2 latas de atum ralado (sem óleo)
1 vidro grande de palmito
azeitonas
maionese
1 tomate
azeite de oliva
sal


MODO DE FAZER:


Cozinhe as batatas cortadas ao meio. Esprema no espremedor de batatas.
Em uma bacia coloque as batatas espremidas, pique o palmito em pedaços
miúdos, (reserve 1 inteiro), coloque  as latas de atum, sal e umas 3 a 4 colheres
de sopa de azeite, misture tudo muito bem, veja se não fica muito seca, se for
preciso coloque mais um pouco de azeite, prove o sal.
Em uma vasilha coloque essa mistura, de forma que fique bem lisinha....
Passe a maionese por cima e decore com o palmito reservado, as azeitonas e
o tomate.
Pode fazer essa maionese e deixar na geladeira de um dia para o outro, tomando
o cuidado de deixa-la tampada ou com um papel filme por cima para que não
resseque.
Hummm me deu vontade de comer....ui, ui ui....


OBS: Na foto esqueci de passar a maionese por cima...rss!! "falha nossa"...KKKK!!!



DEUS AGINDO NA NOSSA VIDA...



Era uma vez....
É sempre assim que começa minhas historinhas, só que esta não é 
historinha, é um fato, aconteceu por esses dias que minha tia-mãe
estava aqui em casa fazendo umas consultas médicas de rotina...
Ela tem muitas "juventudes acumuladas"....rsss!!! Sempre teve um
problema com as glândulas da tireoide, toma remédio faz tempo, e
o médico que cuida dela da outra vez que consultou havia pedido
uma ultrassonografia e apareceram uns nódulos , mas eram muito pequenos,
e não causavam perigo, e por esse motivo dessa vez pediu novamente
a ultrassom para verificar como estavam os tais nódulos...
Levamos o resultado ao médico e a notícia não foi nada boa, os tais
nódulos  haviam crescido muito, ele pediu uma pulção e 
o exame de biópsia. A tal pulção é enfiar uma agulha no
pescoço e colher o material, não deve ser nada agradável esse
exame....né não??? Ela não entendeu bem a gravidade "da coisa".
Eu sempre fui uma pessoa emotiva, pra não dizer uma "manteiga
derretida", o que seria a descrição exata....rsss!!! Ela pra mim é
como se fosse minha mãe de verdade, tenho o maior amor por ela.
Agora me fale como ficou meu coração com essa notícia?E tendo que
bancar a forte para não deixa-la preocupada....
Mas depois de chorar escondida, fiz uma oração e entreguei o
problema a DEUS, mas entreguei de coração....Temos  a
mania de "falar que entregou", mas na verdade ficamos inseguros, e
 toda hora pensamos no tal problema....Dessa vez foi diferente...
No mesmo lugar  que fizemos a ultrassom tentamos marcar o
tal exame da pulção. A clínica é muito conceituada aqui
na minha cidade, e sempre que o médico pede exames, ela faz lá...
Já fazia quase um mês que ela estava aqui enrolada com exames e
consultas médias, estava louca de vontade de voltar para a casa
dela que fica em outro Estado. Nessa clínica só tinha vaga15 dias pra frente....
Tentamos marcar em outro lugar, mas também não deu certo. Ela
já estava nervosa e querendo desistir e eu tentando acalma-la,
pois sabia da gravidade do problema.
Esses dias que andei frequentando clínicas e consultórios médicos,
estive reparando como as pessoas estão doentes, são lugares lotados de gente
a procura  da "saúde"....Pra se conseguir uma vaga, mesmo
tendo um bom convênio está se tornando muito difícil... Um horror!!!
Aqui em casa peguei o livro Guia Médico da Unimed já preparada para
a maratona de ligações que faria tentando conseguir marcar a tal pulção...
Qual não foi o meu espanto que na PRIMEIRA LIGAÇÃO a secretária disse que
tinha horário para o dia seguinte, mas como a ultrassom não havia sido feita lá, 
era para levar o exame antes, levamos, e a secretária liga dizendo que era necessário
outro pedido de ultrassom, e que minha tia-mãe teria que repetir o exame.
No outro dia, quando ela entrou na sala do exame, eu no corredor
esperando, pedi novamente a DEUS para não deixá-la sofrer...
Meu espanto foi maior quando o Doutor me falou que não era preciso fazer
a pulção, pois na outra ultrassom que ele havia feito não existia nódulos
nenhum....!!!! Acredita????
Quando DEUS AGE NA NOSSA VIDA , quando entregamos
  o  problema NAS MÃOS DELE é assim, tudo caminha da
maneira certa, mesmo quando achamos  que está errado...
Já pensou se tivéssemos  marcado a pulção na primeira clínica que
ela tinha feito???? Teria levado uma agulhada no pescoço sem necessidade
nenhuma, marcamos o exame no lugar EXATO para descobrir que ela não tem
nódulo  nenhum....
Na Bíblia esta escrito: ENTREGA O TEU CAMINHO AO SENHOR, 
CONFIA NELE,  E ELE TUDO FARÁ. Salmo 37 versículo 5


terça-feira, 2 de agosto de 2011

TÁ SENTINDO CHEIRO DE GASOLINA???



Era uma vez...
Compramos um carro....que maravilha!!!!
Um fusca branco ano 78, lindoooooo!
Foi emocionante ver o carro na nossa garagem...Nosso carro!!!!
Que alegria!!!
Foi por volta de 1996....portanto o nosso fuscão tinha apenas 20
anos, praticamente um menino....rss!!!
Foi quando fomos convidados a ser padrinhos do casamento de
uma amiga nossa. A igreja ficava perto de casa, mas a 
festa do casamento era em uma cidade a uns 30
kilometros de distância....O mês era maio, no finalzinho, a
temperatura estava baixa, foi uma noite muito fria...
Me arrumei todinha, roupa nova, sapato novo, fui ao cabeleireiro,
afinal era a madrinha, né?
Convidamos para ir conosco outra amiga com os dois filhos, uma
menina e um menino. E lá fomos nós para o casamento.
Nosso fuscão branco era lindo.....só tinha um "pequenino defeitinho"...
O respiro do tanque estava entupido e a gasolina vazava no porta
malas e entrava o cheiro dentro do carro....
Se você desse uma voltinha nele, já saía cheirando a gasolina.
Pensei, como farei para chegar no casamento e na festa sem parecer
"uma frentista"?? Afinal iria me perfumar toda,
e perfume com gasolina acho que não combina muito, né não???
Peguei um lençol e me cobri todinha, da cabeça aos pés, deixando
de fora só um pedacinho do rosto, (sabe aquelas mulheres que usam
 burcas??), meu marido dirigia com a cabeça
praticamente de fora do carro, as janelas nem pensar em fechar, pois o
cheiro era insuportável....Minha amiga e as crianças lá trás...pensa...
o que eles sofreram....fazia muito frio o vento entrando, mas não
podia fechar as janelas de maneira nenhuma, acho que morreríamos
sufocados com o cheiro ou intoxicados...KKKKKKKKKKK!!!
Eu nunca vi 30 kilometros demorarem tanto a chegar....KKKKK!!!
Teve uma hora que o menino filho da minha amiga, falou:
- Mamãeeeee.... Não aguento mais esse cheiroooo!!!!
Mas fazer o que????
Finalmente chegamos na festa....quando desci do carro, e me
desenrolei do meu lençol (burca)....KKKKKKK!!! Dei uma
cheirada no meu braço.....Aiiiii, que tristeza!!!! O cheiro estava
cruel.....Que trem custoso é essa tal de gasolina, penetra em tudo...
KKKKKKKKKKKKKK!!! Meu marido, minha amiga e as
crianças....nem te conto.... o cheiro estava demais....
Todos que passavam perto da gente falava:
Tá sentindo cheiro de gasolina?????
KKKKKKKKKKKKKKKKKKKK!!!
Pois sei que foi assim...

LAGARTO RECHEADO


Bom....acho que todos sabem fazer um prato desses, mas vou dar minha 
receitinha  assim mesmo, e ficou foi muito gostoso....
Costumo abrir o lagarto com a faca fazendo um buraco para rechear dentro,
não é fácil, e colocar o recheio dentro, também não é....Dessa vez fiz um
pouco diferente...


Fiz assim:


INGREDIENTES:


1 lagarto mas ou menos de 2 quilos
2 saquinhos de tempero sabor carne
1 colher de café de curry
1 colher de café de noz moscada ralada
4 dentes de alho
pimenta do reino e pimenta bode
1 colher de sopa de molho inglês
2 batatas cortadas em rodelas grossas
4 linguicinhas calabresas(cortadas bem miúdo)
mas ou menos 300gramas de bacon(cortados bem miúdo)
1 pimentão cortado bem miudinho

PREPARO:


Bati as pimentas e alho bem batidinho, acrescentei o curry, a
noz moscada e os saquinhos de tempero sabor carne (reservei)
Abri o lagarto como se fosse um bife não muito fino, passei o 
tempero por todo ele...Na tábua de carne estendi o lagarto e
coloquei no meio,a linguicinha calabresa, o bacon e o pimentão,
 uni as duas partes do lagarto e costurei com uma agulha grossa
e linha.....não é difícil costurar.
Coloquei na forma. Fiz um molhinho com um copo americano
de água e o molho inglês e reguei por cima do lagarto....Em
volta do lagarto espalhei as batatas para assar também...
De meia em meia hora retirava a forma do forno e regava
com esse molhinho...

Ai...me deu foi fome agora.....rssss!!! Quando fizer não 
esqueça de me convidar para comer....





segunda-feira, 11 de julho de 2011

VOCÊ ESCUTOU???


 
Era uma vez...
Naquele tempo...ai, quando falo isso vejo o quanto estou ficando cheia de "anos", para
não dizer ficando velha...uiiii!!! Quando íamos  para a fazenda nas férias, você não faz ideia da
aventura que era até chegar lá...Saíamos do Estado de São Paulo, estrada asfaltada, mas quando
passávamos para o Estado de Mato grosso ( Mato grosso ainda não tinha sido 
dividido em dois Estados) o asfalto acabava, então a aventura ficava muito mais interessante....
Meu tio tinha uma caminhonete, na frete sempre ia ele, que era o motorista, a esposa e outra
tia...agora, lá atras.....se eu te contar, você não vai acreditar. Naquele tempo também, não
era proibido carregar pessoas na parte de trás. Então era mais ou menos assim:
----Tinha as malas, sacos de diversos tamanhos com cobertores, roupa de cama, colchões, etc...
mas não era pouco não....rsrsss!!! De adolescentes entre primos e primas tinha uns 6, sempre
ia um amigo dos primos, entre crianças uns 2 a 3, adultos uns 3, 2 cachorros e 1 gato, não
 poderia faltar a "matula",ou seja, a comida que geralmente era o almoço, ficava em uma panela grande, pela quantidade de pessoas dá para calcular o tamanho dessa panela, sem falar em frutas que estavam em sacos... E eu também estava lá, não esqueça disso...KKKKK!!!
Era tanta gente, malas, sacos, colchões que ficava difícil saber qual perna era de quem...KKKKK!!!
A gente se acomodava em cima disso tudo, e sabe que não era ruim??? Meu tio colocava por cima
uma lona de modo que não entrava muito vento, sol ou chuva, a gente e as bagagens ficávamos protegidos...
Uma dessas idas e vindas da fazenda, era tempo de chuva, a caminhonete atolou em um buraco, por mais que meu tio fizesse não conseguia sair, chovia, estava começando a escurecer...A meninada
toda em alvoroço, o almoço já tinha sido a muito tempo, as frutas acabaram, lá fora chuva....
A estrada não era assim tão movimentada, demorou até passar um carro e nos puxar com uma
corda....
Mas antes disso meu tio, o que vinha lá atras com a gente, começou a contar histórias de assombração,
eu e as outras crianças, começamos a ficar com medo, pois já estava muito escuro, ele contando a
história e de repente...:
Fiuuuuu!!!! Fiuuuu!!!
Ouvimos uns assobios que vinham do lado de fora, meu tio o que era motorista, desceu e veio nos
perguntar o que a gente queria..., mas o tio contador da história, falou que não era a gente e que o
tal assobio o som vinha do lado de fora...Ficamos todos em silêncio........E novamente o assobio:
Fiuuu!!!! Fiuuuu!!!
_Uai???? Quem foi????
Silêncio....
Nisso eu e as outras crianças, morrendo de medo começamos a chorar, foi um DEUS nos
acuda, para tentarem nos acalmar....
Quando o outro carro passou e com a corta puxou a caminhonete,  finalmente saímos do
buraco, meu tio ligando o carro para sair...:
Fiuuuu!!!! Fiuuuu!!!
VOCÊ ESCUTOU????
Eu escutei....
KKKKKKKKKKKKK!!!
Pois sei que foi asim...

ENROLADINHO DE PEITO DE FRANGO


Ando revoltada...ara....!! Modiquê a gente dana a engordar???
Será porque estou ficando mais véinha??? Será que estou
comendo demais??? Ou ando comendo só o que NÃO devo???
Eu sei a resposta, mas insisto em não querer ver o óbvio....É tudo
o que disse e muito mais....Mas então vamos engordar mais um
pouquinho com essa receita, que ficou foi boa demais....KKKKK!!!
Rir para não chorar....KKKKKKKKKK!!!

INGREDIENTES:
2 quilos de peito de frango
2 saquinhos de tempero em pó sabor galinha
um raminho de alecrim
uma colher de sopa de orégano
4 dentes de alho
1 colher de chá de curry 
+ ou - 300 gramas de bacon
pimenta do reino e pimenta curtida
palitos

FIZ ASSIM:
Cortei o bacon em tiras (reservei).
Abri o peito de frango tipo bife, fica mais para fininho, temperei com os saquinhos
de sabor galinha, o orégano, o curry, o alecrim e as pimentas, passei bem por todos
os bifes de frango. 
Em cada bife coloquei o bacon e enrolei, para que ficasse preso espetei os palitinhos...
Coloquei para assar em fogo brando

Detalhe::: "engordativo"em cada bife coloco sempre mais bacon que o necessário...
O sabor fica melhor....KKKKKKKKKK!!!! Será por que estou engordando???
Eu juro que não sei?!?!?!? KKKKKKK!!!! 



terça-feira, 28 de junho de 2011

MEUS NOVOS VIZINHOS














Era uma vez....
Não faz muito tempo, mudou-se para o meu quintal a dona Rolinha com o
senhor Rolinho, um casal muito simpático, mas de poucas palavras, eu até
que tento falar com a senhora Rolinha, só que ela fica me olhandooooo...
observando e quase nada fala....mesmo assim converso  muito com ela....tenho
loooongos papos, e ela...Só me olha, parece que entende tudo que falo...
mas só fica me olhandoooo....Ela é bem simpática comigo...
Construíram uma casa até bem confortável, e logo ela engravidou....


Nesse período ficamos mais amigas, todos os dias eu ia falar com ela...ela ficava me
olhandoooo, vira a cabecinha e parecia concordar comigo, perguntava como ela
estava, onde andava o senhor Rolinho, aí comecei a observar que ele com certeza saía
para trabalhar, e notei que sempre voltava de noitinha e via os dois juntinhos na casinha
deles...dava gosto olhar o jeitinho carinhoso que ele a trata, fica fazendo cafuné... fica
bem juntinho dela...que amor...nunca vi os dois brigarem.
Olha, o que a dona Rolinha enfrentou, não foi brincadeira. Estava no período de chuva,
até uma pequena tempestade aconteceu, e ela lá firme e forte cuidando da sua casinha
e dos ovinhos... Eu ficava preocupada, era muita chuva todos os dias, quando a chuva dava
um tempo corria lá para vê-la, falava com ela:
-Nossa mas você é mesmo uma menina guerreira, como consegue ficar todo esse tempo
na sua casinha e não a abandonar??? Está frio, chovendo e você aí aguentando tudo isso??
E ela...só me olhando, parecia me dizer: "Eu suporto tudo pela minha família"
Toda manhã a primeira coisa que fazia era ir lá verificar se tudo estava bem...
Ma não passou muito tempo e os bebezinhos nasceram...
Uma manhã da minha costumeira visita, notei que algo tinha acontecido, ouvi uns
piadinhos lindos que vinha lá da casinha da dona Rolinha, então já sabia que na
família dela tinha gente nova..
Ela era tão cuidadosa com as crianças,  só fui vê-los quando já estavam
crescidinhos.... que lindos!!!

Na foto está a família inteira, as crianças, a mamãe e o papai...lindoooosss!!!
Depois disso quando as crianças cresceram, viajaram e ficaram alguns dias fora.
Quando voltaram a dona Rolinha já estava grávida novamente...então começou
tudo outra vez....
Já é a quarta geração de bebezinhos que nascem...
E eu não me canso de ver e conversar com minha vizinha.
Pois sei que foi assim...





CARNE ASSADA COM CEBOLA E BATATA



Essa carne fica muito gostosa e não dá muito trabalho prá fazer...
Tem dia que a gente tá com uma "preguicinha", né não??? Mas
sabe, eu gosto de cozinhar e até quando não estou muito a fim,
logo que começo, a preguiça vai embora...Tchauuuuu!!! rsrsss!!


INGREDIENTES:
1 quilo e meio de capa de contra filé (corto eles em bifes não muito fino)
2 cebolas grandes(cortadas em rodelas grossas)
1 pacote e meio de tempero em pó sabor carne
1 raminho de alecrim
3 colheres de sopa de molho  inglês
2 colheres de sopa de mostarda
3 colheres de sopa de azeite de oliva
3 batatas grandes (cortadas em rodelas grossas)
5 dentes de alho amassados com pimenta do reino e pimenta curtida

Tempero os bifes com o tempero sabor carne, o alecrim, molho inglês,
a mostarda e o alho com as pimentas, misturo bem...
Na fôrma que vou assar coloco os bifes e em cada espaço coloco as rodelas
de cebola e em cima da cebola coloco uma rodela de batata...
Rego com o azeite,
Na vasilha que temperei os bifes sempre sobra uma borrinha do tempero
então adiciono mais ou menos meio copo americano de água, dou uma 
mexidinha e acrescento  por cima dos bifes...
Levo para assar....
Fica muito "bão"....pode fazer que eu "agaranto"...KKKKKKKKK!!!


terça-feira, 14 de junho de 2011

TE ENGANEI....kkkkkkk!!!


Era uma vez...
Será que fui uma menina levada??? Arteira? Agora contando minhas
historinhas dei para pensar...
Outro dia uma pessoa me disse isso ao ler as minhas "aventuras" de
criança, mas era tudo tão inocente e sem maldade.
Mas essa é mais uma que minha mãe nunca ficou sabendo....kkkkk!!!
Eu e minha amiguinha de infância, tínhamos todo o tempo do mundo
para "planejar" nossas estratégias para a nova brincadeira daquele
dia. Brincar de bola?...Não, brincar de casinha?...Não, brincar de
amarelinha?...Não, ficar pageando a dona Filó?(a vizinha)...Não!!!!! 
Naquele dia tinha que ser algo diferente, emocionante...e foi o que
fizemos. Pra falar a verdade, não sei de qual cabecinha surgiu a
magnífica  e brilhante  ideia.
Pegamos uma caixa de fósforos colocamos algumas pedrinhas dentro
para que ficasse pesada, embrulhamos a caixa em um papel de presente,
papel usado, mas ficou até bonitinha.
Com a caixa na mão, nós duas saímos como quem não quer nada e na
calçada "deixamos cair" a tal caixinha.... dávamos meia volta e corríamos
pra detrás do muro de casa, e pela greta do portão ficávamos observando
quem iria pegar a caixa....
A rua nem era movimentada, mas logo uma pessoa passou e pegou a caixa,
olhou para os lados e saiu com ela na mão, mais à frente parou e abriu...
deve ter ficado brava pois tacou a caixa no chão...
Eu e minha amiguinha, olhando tudo de longe e morrendo de tanto dar risada...
Só que faltava algo que tornasse a brincadeira um pouco mais emocionante...
- Sabe aquela barata morta? Vamos colocar na caixa?
Tinha uma barata morta no quintal, já estava cheia de formiga, e enfiamos a tal
dentro da caixa...Hoje fico pensando, onde arrumei coragem para pegar essa
barata??? Nunca faria isso agora....arrrrre!!!
Fizemos todo procedimento outra vez, e escondemos atras do muro....Só que
o homem que pegou a caixa, veio pro lado da minha casa e começou a gritar:
-Eu vou pegar quem fez isso!!!!, É muita gracinha pro meu gosto!!!
Nós duas , com os olhos arregalados nem respirávamos de tanto
medo....KKKKKKKKKKKK!!! Mas ele não nos viu!!!! Sorte.
-UFFFAAA!!! Essa foi perto!!!
Passado algum tempo....Tédio total....Do que vamos brincar hoje???
- Ahhhh!!! Sabe aquele rato morto???
ADIVINHA????? KKKKKKKKKKK!!!!
Pois sei que foi assim...



  

PUDIM "FACINHO"

Essa receita eu aprendi com a Ana Maria Braga, gente...mais é
muito gostosa. Aqui em casa somos só dois para comer e acaba
rapidinho, principalmente por mim que fico aqui  o dia todo,
só engordando e  internetando.....KKKKKK!!! Ara...mais nem
tanto...uai, quem faz o pudim sou eu, portanto trabalho também...
hihihihihi...É assim:


INGREDIENTES:
1 lata de leite condensado
a mesma medida da lata de leite
1 lata de creme de leite (sem o soro)
3 ovos
achocolatado em pó


Em uma panela misture o leite condensado, as gemas e o leite, leve
ao fogo até engrossar, mas não deixe engrossar demais...
Deixe esse creme esfriar bem e acrescente o creme de leite mexendo
bem devagar.
Bata as claras em neve e misture também com bastante delicadeza para
ficar bem aerado...ficar fofinho...rsss!!
CALDA
10 colheres de sopa de achocolatado em pó e 10 colheres de leite, leve
ao fogo até engrossar, passe por toda forma do pudim


Cubra a forma com papel filme e leve ao congelador.
Quando for comer deixe a forma por alguns minutos fora da geladeira para 
que a calda derreta um pouco...ou esquente o fundinho da forma na
chama do fogão, mas bem rapidinho....rsss!!!

Na hora de  comer não esqueça de me chamar, tá??? KKKKK!!!
Unhé, eu ensinei...tenho direito de provar para ver se fez certo...KKKK!!!


segunda-feira, 23 de maio de 2011

O QUE VOCÊ QUER MENINA???




Era uma vez...
Eu tenho uma amiga de infância... Começamos nossa
amizade quando eu tinha 6 anos e ela 4, acho que foi
simpatia a primeira vista, não sabia ficar sem ela para
brincar, o dia mal amanhecia e lá estava ela...era a minha
amiguinha...era o dia inteiro nos duas juntas, só separávamos
na hora de dormir quando ela ia para casa, e eu já sentia
falta, pois a noite demorava a passar. Tivemos uma infância
linda, cheia de brincadeiras e aventuras.
Nos separamos, quando mudei de Estado, eu já tinha
17 anos, mas no coração nunca houve separação pois até
hoje somos amigas apesar da distância.
Na esquina tinha uma casa muito grande, casa já antiga e
ficava de par com o meu muro. Mudou-se prá lá a dona
Filó, ela morava sozinha nessa casa imensa, uma senhora já
de idade, tinha muitos cabelos brancos, era magrinha e da
cara fechada, nem com minha mãe ela conversava, era
mesmo carrancuda, eu e minha amiguinha tínhamos a maior
cisma com ela. Quase não se via ela do lado de fora,
nem no jardim da casa, as janelas estavam sempre fechadas,
não se ouvia  barulho algum que viesse da casa da dona Filó...
Eu e minha amiguinha ficávamos o dia inteiro na espreita pajeando,
para ver os movimentos que ela fazia....Só mesmo criança para
entender o porquê dessa tamanha curiosidade....rsrssss!!!
Afinal prá que saber da vida dela???? Mas a gente sabia o porquê!!!
KKKKKKKKKK!!!! Crianças....
Do quintal de casa dava para ver todo o quintal da casa dela, e foi
num dia desses que peguei uma cadeira,coloquei um balde de
alumínio em cima e encostei a cadeira bem pertinho do muro,
cada hora, ou eu ou minha amiguinha subia na cadeira e ficava olhado
o que acontecia no quintal da dona Filó...
A gente tinha que ficar na ponta dos pés  para poder enxergar...e lá
estava eu bisbilhotando quando não sei como, do outro lado a dona
Filó apareceu rente ao muro e me olha com uma cara de brava:
-O QUE VOCÊ QUER MENINA???
O susto foi grande demais, caí de cima do balde e da cadeira e me
esborrachei no chão, minha amiguinha também caiu, pois estava bem
juntinho da cadeira, me esfolei toda...KKKKKKKKKKKK!!!!
" A curiosidade matou um gato"....KKKKKKK!!! Só que eu não
sabia disso!!! KKKKKKKK!!!
Mas pensa que desistimos??? Jamais....Apenas mudamos de tática...
No outro dia começamos a vigiar a dona Filó lá da calçada da porta,
era menos arriscado...KKKKKKKKKK!!!!
Pois sei que foi assim...













DOURADA COM CAMARÃO

Ah, eu sei que todo mundo sabe fazer esse prato, mas ficou tão 
gostoso, que resolvi dar a receita do meu "jeitinho"....
Aqui em casa amamos peixe, não faço mais vezes porque o
preço é bem "salgadinho", então é só de vez por outra...rsss!!!


INGREDIENTES:
2 quilos de dourada (já cortada em postas)
1 quilo de camarão
2 cebolas em rodelas
1 pimentão grande cortado em tiras
3 tomates grandes sem pele cortado em pedaços
4 colheres(sopa) de extrato de tomate
3 colheres(sopa) de azeite de oliva
2 colheres(sopa) de azeite de dendê
1 vidro pequeno de leite de côco  
uma colher(sobremesa) de curry
3 folhas de louro 
4 dentes grandes de alho
pimenta do reino e pimenta curtida
sal a gosto
coentro e cebolinha verde


FIZ ASSIM:
Picotei o alho na tábua bem miudinho e joguei na panela junto com
o azeite de oliva e a cebolas em rodelas, deixei dar uma boa dourada.
Acrescentei o pimentão e os tomates, deixei dar uma murchadinha...
Coloquei o extrato de tomate dei mais umas mexidas...
Coloquei um pouco de água o sal, o curry, as folhas de
louro, a pimenta do reino, pimenta curtida e o azeite de dendê.
Mexi bem, distribui o peixe com carinho pela panela, despejei o
leite de côco e acrescentei água até cobrir bem o peixe. Deixei
dar uma fervida e provei o sal.
Quando o peixe já estava pronto, coloquei o camarão e deixei
por mais uns 5 minutinhos.
Por último a cebolinha verde e o coentro.


Ficou foi bão dimais da conta sô....comi....comi....comi...rsrsss!!!
Mas vou contar um "segredo"..."num é de vê" que eu esqueci de
colocar o cheiro verde???? Olha na foto....rsrssss!!!

Mas mesmo assim estava bom por demais.... 







sexta-feira, 6 de maio de 2011

MENORES DE 18 NÃO ENTRAM...



Era uma vez...
O tempo passa, a gente envelhece...mas quando escuta a seguinte
frase:
- Nossa...você não parece que tem tudo isso...!!!
É bom demais, né não??? Acredita que sempre me falam isso??
Aí eu me sinto toda cheia...rsrsss!!! Acabo até me convencendo
que é verdade...KKKKKKK!!!
É, mas o fato é: "Estou ficando cheinha de anos"!! KKKKKK!!!
Éramos inseparáveis as três, segredos, namorados, tristezas,
alegrias, tudo a gente dividia...
Eu era a mais velha, já havia completado 18 anos, uma 16 a outra
14, mas por ser a mais magrinha, parecia que era a mais nova delas.
(acreditem ou não...já fui bem magrinha um dia...KKKKK!!!!)
Um belo e ensolarado domingo  a tarde saímos para tomar um sorvete,
quando passamos em frente  um cinema e olhamos o cartaz, estava
escrito: PROIBIDO PARA MENORES DE 18 ANOS.
Uai, aí a curiosidade cresceu.
-Vamos assistir esse filme????
-Mas as duas não tem 18 anos???? Querem entrar como?
-Vamos fazer o seguinte, nós duas ficamos na fila na sua frente,
se a gente passar, você com certeza passa, pois já tem 18, né não?
-É, acho que vai dar certo...
Compramos os ingressos e lá fomos nós para a entrada.
As duas na minha frente como o combinado, o porteiro
pegou o ingresso das duas e elas entraram...eu toda cheia
de mim mostrei meu ingresso para ele.
_ Pode me mostrar sua identidade????
-Não, não trouxe!!! Mas eu já tenho 18 anos...
O porteiro com o sorriso mais irônico do mundo...
- "De menor" não entra, mocinha, você não leu o que está
escrito no cartaz??? PROIBIDO PARA MENORES DE 18 ANOS!
-Mas moço, eu tenho 18 anos!!! 
-Nada, feito, me mostre a identidade ou então...
Já lá dentro do cinema,  do outro lado do vidro, as duas desmanchando 
de tanto dar risada....
Noooossssaaaaa!!!! Que raiva!!!
Não poderia além de tudo isso, ficar no prejuízo e resolvi vender meu
ingresso. Ofereci para um moço que já estava na fila para comprar,
ele já sabendo da minha história, pois todos que estavam ali, viram e
ouviram tudo....me falou também com ironia:
-Lugar de criança, é em casa...
Mas comprou o meu ingresso, pelo menos isso.
Fiquei com tanta vergonha, fiquei tão sem graça e morrendo de raiva
das duas lá dentro se desmanchando de tanto dar risada...
-Que raiiiiva!!!
Voltei prá casa sozinha...
Agora, que os anos passaram, e não foram poucos, quando alguém
me fala que não pareço com a idade que tenho...affff!!! Mas
fico feliz por demais... então me vem essa recordação...
Um dia fiquei infeliz por ter a aparência de pouca idade...KKKKK!!
Pode um negócio desses???
Pois sei que foi assim...